"CRESCIMENTO E DESENVOLVIMENTO"

Este é um assunto que preocupa muitas famílias. Desde o nascimento, os pais começam a imaginar com que altura vão ficar seus filhos. Não se pode garantir que pais altos terão filhos somente altos ou que, ao contrário, pais baixos terão necessariamente filhos da mesma altura.

É impossível determinar com certeza, como será o crescimento do bebê, mas sabe-se que é influenciado por muitos fatores.
Além da hereditariedade, a gestação, a própria constituição da criança, o tipo de alimentação, os fatores neuroendócrinos e certas doenças influenciam a estatura final.
Não existe um fator isolado mais importante que outro na determinação da altura da criança. Criança alta é resultado da herança genética, da gestação e da alimentação.
CRESCIMENTO é o aumento do tamanho da criança tanto no peso quanto na altura.
DESENVOLVIMENTO é a capacidade que a criança tem de adquirir as funções, como andar, falar, subir escada, bater palmas e reconhecer as cores.

 

QUAL É O PESO E COMPRIMENTO NORMAIS DO BEBÊ AO NASCER?
Comprimento: mais que 48 cm
Peso: mais que 3.000 gramas

INFLUÊNCIA DA ALTURA DA FAMÍLIA NA CRIANÇA
É muito forte a influência da altura dos pais, tios e avós no crescimento da criança. Filhos de pais altos têm grande chance de alcançar a mesma altura.

QUAL SERÁ A ALTURA DA CRIANÇA QUE TEM PESSOAS ALTAS E BAIXAS NA FAMÍLIA?
Neste caso, o sexo é o melhor indicador. Veja como: se a família do pai é alta, os filhos terão maior probabilidade de herdar este padrão. Ao contrário, se a família da mão é a de maior estatura, é bem provável que as meninas sejam mais altas.

LEITE MATERNO E CRESCIMENTO
A boa alimentação desde o nascimento começando com a aleitamento materno, é a garantia de que a criança crescerá com todo o potencial que ela nasceu e herdou da familia.

A DIETA INADEQUADA PODE INFLUENCIAR O CRESCIMENTO?
Criança que come menos do que o necessário, e não tem uma alimentação variada poderá ser uma pessoa baixa, mesmo sendo filha de pais altos.

VOCÊ SABIA QUE...
No primeiro ano de vida o bebê cresce, em média, 25 cm e ganha 7 quilos e que, depois desta fase, o ritmo de crescimento diminui e só volta a acelerar no início da adolescência? E que, até este período, ganha de 2 a 3 quilos e cresce de 5 a 7 cm por ano até alcançar sua altura final?


CUIDADO!!!
A criança não precisa ter medidas iguais às medidas esperadas para ser considerada normal. O pediatra é o único profissional que tem condições de fazer uma avaliação mais criteriosa e tomar alguma prodivência, quando o peso e a altura estão bem diferentes do padrão.

AVALIE O GANHO DE PESO
Deve-se dar mais atenção ao ganho de peso, pois criança com peso normal tem mais chance de crescer normalmente.

MUDANÇA NO CORPO DO ADOLESCENTE
Os pais devem ficar atentos às mudanças do corpo do adolescente, para que possíveis distúrbios hormonais sejam identificados precocemente e possam ser controlados antes de prejudicar o crescimento normal.

CUIDADO!!!
Antes de concluir que a criança é baixa, não esqueça da herança familiar, pois sua altura pode ser normal para o padrão da família. Outra possibilidade, é o atraso puberal, que deve ser avaliado pelo pediatra.

ESTIMULE SEMPRE A CRIANÇA
O desenvolvimento está relacionado com a estimulação que a criança recebe mesmo antes do nascimento e durante toda a infância, enquanto o crescimento depende da herança genética, das características próprias de cada criança e da alimentação.

O CONTROLE DA EVACUAÇÃO
Forçar a criança a controlar a evacuação antes que ela esteja preparada pode causar constipação, caracterizada quando ela faz cocô menos de três vezes por semana, ou todo dia, mas em pequena quantidade.

O QUARTO DA CRIANÇA DEVE TER MUITA LUZ?
A criança que fica em quarto escuro o dia todo dorme mais, contudo acorda mais vezes durante a noite, incomodando toda a família.

QUEM CONTROLA O XIXI PRIMEIRO?
As meninas normalmente controlam o xixi e a evacuação antes dos meninos.